9 de dezembro de 2011

Dia nove de dezembro, foi em 2oo9..

"eu hoje estou com o corpo eletrizado.. e cada verso, e cada estrofe e cada gesto serão de amores meus para aquele quem conquistou meu coração, ai você!"

Você disse, ''Eu também precisava te ver hoje''. Eu não entendi nada, mas antes que eu falasse você completou ''Eu quero te falar uma coisa''. Se enrolou parecia bastante nervoso, porém certo do que fazia e queria falar, continuou.. ''Te falar e te perguntar''. Fez toda uma introdução, falando dos seus sentimentos e do que você pensava em relação a nós dois, ao que tínhamos, ao que vivíamos até aquele momento dos seus medos e dos seus porque's, então olhou para mim e enfim perguntou. (Foi mais ou menos isso né amor?). Eu? Fiquei muda por alguns segundos ninguém nunca me fez essa pergunta, ri, na verdade virei uma besta e comecei a gargalhar de tão nervosa que estava. Dai, respirei fundo e pensei na resposta que eu queria dar: GRITAR sim, sim siiiiiim, tava mais do que na hora, que demora, que coisa não?
Mas contive tanta emoção, dai veio a cabeça aquele, 'pode ser'
Mas não! Definitivamente, você é um homem que não pode receber um 'pode ser' de uma mulher!
Então fui clara na minha resposta.
Foi alí, naquela tarde, naquele dia, onde apenas queríamos assistir a um filme coladinhos, naquela quarta feia dia 9 de dezembro de 2oo9, onde tudo começou.



retirado do livro - ''nossa história, para amor'' que lhe escrevi quando tinhamos 6 meses.


Eu sou loucamente apaixonada por você, meu anjo, minha vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...