12 de novembro de 2014

Longe ou perto

Sempre deixei claro o quanto gosto de você, o quanto gosto de nós dois, o quanto sonhei acordada com nosso futuro e o quanto corri atrás de realizar cada ideia louca de amor que tive contigo. Sempre deixei claro que mesmo longe eu não deixei de te amar, pedi varias vezes para as diferenças deixarmos pra lá, mas eu estou aqui agora e cade você?

As vezes acho que dei liberdade demais, então entro na frieza. Busco ser  curta e as vezes sou até grossa demais, dai percebo que estou agindo assim por medo, talvez por insegurança. Mil coisas vem na minha cabeça, de repente eu choro e não quero mais pensar em nada.

É por pouco tempo que consigo me manter no controle da relação, é por pouco tempo que essa segurança fica firme em mim, acho que tudo está fluindo da maneira certa e quando pisco, vejo que está tudo errado, que o certo não é correr contra você e sim para seus braços, então me derreto novamente e nosso calor me aquece. Seria hipocrisia dizer que não me sinto melhor estando contigo, parece que o mundo volta a girar no fluxo certo.

De repente não somos ainda tão maduros para mergulhar em uma relação como sonhamos, ou de repente somos apenas tão jovens que só queremos amar e ser amado infinitamente. Esse teu jeito bipolar me deixa louca, a cada dia pode me fazer pensar uma coisa diferente, mas uma certeza você não pode me tirar ou confundir da minha mente, eu te amo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...