10 de junho de 2014

Vamos deixar tudo pra lá e assim será!

Eu so queria dizer pequenas coisas pra você, em forma de canção ou poema, queria poder cantar ou apenas ditar, no pé do seu ouvido, mergulhando nos teus olhos, sentir tua reação se tranformar em sentimento.

Deixa eu te contar, o café que tomo de manhã me lembra você, o cheiro do meu travesseiro tem teu cheiro, minhas cobertas parecem você me envolvendo, todas as músicas que escuto tem algo teu, cada foto que vejo tem uma lembrança nossa.

Demorei tanto para te confessar cada sentimento desse, tantos anos, tanta coisa guardada so pra mim, então me culpo e me questiono onde eu errei, porque tranquei esse livro por tanto tempo e assim tão de repente lhe dei de bandeija.

O mais curisoso é que todos percebem essa loucura sem explicação que acontece dentro da gente, sem dizer apenas uma palavra deixamos no ar o que nosso coração chora irritado por estar sentindo. Vamos negar, vamos deixar isso pra lá, nós nem sabemos na verdade porque queremos deixar tudo pra lá, mas é isso que estamos fazendo e assim será!

Me acompanhe nas redes sociais:

5 de junho de 2014

Não me entreguei por medo de te perder

A troca de olhar pode ter tido culpa, as vezes que nos encontramos em sociais talvez, os amigos em comum dando força para um talvez ''nós dois'' com certeza foi um empurrão, mas a verdade é que eu não sei bem como tudo começou.

A cada dia algo se transformava, não era normal meu sorriso ser mais feliz por alguém me chamar em alguma rede social, não era normal ver seu rostos sempre quando eu fechava os olhos, eu estava estranhando muito sentir um nó na garganta quando te via com outra sem falar no calafrio que dava ao tocar aquela música.

Todas as lembranças eu tenho guardadas, cada gesto seu eu levo comigo, aquelas velhas fotos então reservadas e cada beijo seu eu sinto sozinha. Tenho que confessar, tive medo de me entregar, sei que possivelmente esse tenha sido meu erro e quiça o motivo de um adeus.

Sim, fui insegura, corri contra o vento que nos levava tão bem, parei no meio do caminho, larguei a sua mão. Mas já parou para pensar no que eu realmente sentia? Questionou que se me senti insegura pode ter sido falta de um apoio seu? Eu preciso dizer que não me entreguei por medo de te perder, porém, por não me entregar, deixei de ganhar!


Me acompanhe nas redes sociais:

Me quer por perto ou quer render desejo?

Você sempre faz essa cara de quem quer mais, eu noto as pistas no ar, eu percebo seu olhar, de longe sinto sua respiração mudar, eu sei que até mesmo teu silêncio quer me falar alguma coisa. É ai que tudo parece tão maravilhoso me sinto junto ao pequeno Príncipe, em algum mundo que ninguém mais conhece e somente eu entendo, é um turbilhão de sentimentos juntos.

Você chega de mansinho, com ar de bom menino, da somente um sorriso e deixa tudo solto no ar, a letra daquela música me lembrou nós dois, nossa história  não virou romance, mas cada detalhe foi intenso como um livro incompleto.

Me diz meu bem, porque faz isso comigo, se não é a sua intensão, deixa que eu te explico. Ou me quer por perto, ou quer render um desejo, demonstra não ter medo de me perder de vez, mas faz questão de me prender a você.

Me acompanhe nas redes sociais:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...